Resenha: Morte na Mesopotâmia - Agatha Christie - Keu

Título: Morte na Mesopotâmia;
Autor (a): Agatha Christie;
Páginas: 160 (média);
Editora: Diversas;

"Para a enfermeira Amy Leatheran, sua paciente era um caso muito estranho. Louise, casada com um famoso arqueólogo, sofria de angústia nervosa, segundo seu marido. Suas fantasias eram vívidas e macabras: uma mão decepada, um rosto cadavérico contra a vidraça... Mas de que ou de quem ela teria tanto medo? Perto do marido e de velhos colegas e amigos, ela estaria a salvo. Entretanto, a formalidade do grupo não parecia natural: pairava no ar uma tensão, um certo desassossego. Algo muito sinistro estava acontecendo. E tinha a ver com... assassinato. Mrs. Leidner é assassinada. Fora algo muito estranho pois ninguém vira pessoas circularem no pátio do local que dava acesso a cena do crime. Quem teria feito tal monstruosidade? Só uma pessoa poderia responder: Hercule Poirot."

Em Bagdá, uma expedição arqueológica busca vestígios de uma antiga civilização assíria. Mas mesmo os visitantes podem perceber que há um clima tenso no ar, uma expectativa. Esse clima tem seu desfecho quando a mulher do chefe da expedição, Louise Leidner, é assassinada em seu quarto. Mas como isso seria possível? Ninguém poderia entrar no quarto sem ser visto. Mas nesse momento entra em ação nosso conhecido detetive Hercule Poirot, que irá revelar segredos que muitos preferiam manter escondidos...

Com um desfecho impressionante, esta é, ao meu ver, uma das melhores obras de Agatha Christie. Esse é o primeiro livro que li da autora narrado em primeira pessoa. A narradora é a enfermeira Leatheran, que foi contratada pelo Sr. Leidner para ficar de olho na sua esposa, "... pra ela se sentir mais segura.", ele explica. Ela então vai para o acampamento, onde passa a acompanhar o dia-a-dia da expedição.

Quando o crime ocorre, todos os seus componentes passam a ser considerados suspeitos e quando Poirot começa a investigar vários segredos passam a ser revelados, mostrando que nem tudo que parece é.

Os personagens, como sempre, são bem construídos e para mim com o intuito de parecerem sempre suspeitos. Mas as vezes, não sei se pelo fato da história ser narrada do ponto de vista da enfermeira, achei que alguns dos personagens, ficaram meio incompletos, como se partes de sua personalidade não tivessem sido reveladas. No entanto, também ajuda a compreender melhor alguns fatos, já que a narradora descreve suas impressões das pessoas e dos acontecimentos. Mas ao todo, é um grupo bastante diversificado, onde um é tímido, outro engraçadinho, outro caladão e assim por diante.

A narrativa é empolgante e você não consegue parar de ler até saber quem é o assassino.

Por fim, Agatha Christie escreveu um livro onde não relata somente sobre um crime, mas sobre a psicologia do assassino em questão, o porque dos seus atos e também dos demais envolvidos.

Comentários

  1. Adoro quando os autores abordam o psicológico dos "bandidos", dá uma riqueza a mais pra história. Eu li poucos livros da autora, mas minha prima vai me doar a coleção dela, a obra completa. Fiquei maravilhada quando ela me falou, não vejo a hora de mergulhar nos policiais dessa autora maravilhosa :3

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os livros de Agatha Christie são maravilhosos. Gosto muito deles. Espero que você também goste.
      Beijos e boas leituras, Keila Ladeia.

      Excluir
  2. Oi Keila. Sou fã dessa autora, ela escreve super bem e sem falar que sempre nos surpreende. Lendo a sua resenha me deu saudade de ler algo dela, quem sabe escolho esse.rs
    Beijos
    All My Life in Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Natália! Também sou fã dela. Não passo muito tempo sem ler um. A história desse é maravilhosa. Espero que goste.
      Beijos e boas leituras, Keila Ladeia.

      Excluir

Postar um comentário

Olá leitor!!!
Obrigada por dividir sua opinião :*
Saiba que seu comentário muito provavelmente vai me deixar (Laryssa) pulando de alegria (literalmente, sou beeeeem exagerada :p).
Se você quiser que ele seja respondido, deixe um link, caso contrário, eu o responderei aqui mesmo no blog, tudo na medida do possível.
Beijoooooos *-*

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: Enquanto Houver Vida Viverei - Laryssa e Milena

Resenha: Letras Finais - Luís Dill - Gui

Resenha: A Outra Face - Deborah Ellis - Gui