Resenha: Terra do gelo - Rangers Vol.3 - Keu

Título: Terra do Gelo;
Série: Rangers - A Ordem dos Arqueiros #3;
Autor (a): John Flanagan;
Editora: Fundamento;
Páginas: 256
Forças da natureza podem ser um poderoso oponente para um jovem aprendiz de arqueiro e uma princesa em terras de piratas e mercenários. Por isso, depois de um longo e sombrio inverno, Will e Evanlyn estão diferentes. Eles entenderam que, em toda guerra, há um tempo para lutar e um tempo para aceitar o inevitável...






Não é segredo pra ninguém que essa é uma das minhas séries preferidas, e tenho uma boa razão para tal.

John Flanagan reuniu em um livro tudo aquilo que me encanta: Aventura, suspense, amizade, companheirismo, um pouco de mistério e é claro um pouquinho de romance. Mas esse é bem leve e não há quase nenhum foque nos livros, principalmente nesse volume. Sem falar que a história se passa na Idade Média, o que, claro, me cativou.

Antes de qualquer coisa, este é o terceiro livro da série Rangers, e para aqueles que ainda não leram os primeiros volumes, recomendo procura-los antes. Se não, podem ficar um tanto perdidos na história.

Para os que podem não conhecer, Rangers acompanha as aventuras do jovem Will, nesse momento aprendiz de Halt, no Corpo de Arqueiros. Um grupo misterioso que levara nosso herói em muitas aventuras.

Para quem acompanha a história sabe que no volume 2, Ponte em Chamas, Will e Evanlyn foram sequestrados pelos escandinavos e levados como escravos para o país natal dos lobos do mar.

Nesse volume, Flanagan nos relata a estadia dos nossos heróis no gelado país do norte. Suas aventuras e dificuldades na luta pela sobrevivência no inverno escandinavo. O que aliás não são poucos. Há duas histórias paralelas: uma com Halt e Horace e outra com Will e Evanlyn. Ambos viverão muitas aventuras. Como elas irão desenrrolar é segredo. Só confesso que várias vezes fiquei pulando de preucupação com Will, que sem sombra de dúvida é meu personagem preferido, só perde para Puxão.

Esse romance é um dos mais emocionantes da série, é aqui que vemos o tamanho da ligação que surgiu entre Halt e Will. No fim, temos uma história de amizade, onde esse forte sentimento leva os nossos personagens a enfrentar tudo e todos. Vemos surgir ligações que marcará muitos dos livros que o seguem, sendo portanto essecial para o desenrrolar da história.

Com capitulos pequenos, escrita simples e personagens memoráveis, o livro possui um desenvolvimento leve e tranquilo que prende o leitor do começo ao fim. Sem falar do humor sutil, mas nem assim, menos impressionante dado por Flanagan a seus "pupilos".

Este volume é marcante e para aqueles que não conhecem essa série e possui muito gosto por livros de aventura, recomendo a saga Rangers: A Ordem dos Arqueiros, sem ressalvas. Ela é encantadora e certamente apaixonante.

Comentários

  1. Ai eu amo essa saga! Fico muito triste que quase ninguem conhece. Entao quando surge uma resenha eu abro sorriso de orelha a orelha, ainda mais quando a pessoa gosta do livro tanto quanto eu, o que aconteceu aqui!

    Beijokas
    escolhasliterarias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Fico muito feliz por você gostar da saga Rangers. É mesmo uma pena que quase ninguêm a conheça, mas faço propaganda dela sempre que eu posso, rsrs. Obrigada querida.
    Beijos, Keila.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Olá leitor!!!
Obrigada por dividir sua opinião :*
Saiba que seu comentário muito provavelmente vai me deixar (Laryssa) pulando de alegria (literalmente, sou beeeeem exagerada :p).
Se você quiser que ele seja respondido, deixe um link, caso contrário, eu o responderei aqui mesmo no blog, tudo na medida do possível.
Beijoooooos *-*

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: Enquanto Houver Vida Viverei - Laryssa e Milena

Resenha: Letras Finais - Luís Dill - Gui

Resenha: A Outra Face - Deborah Ellis - Gui